Como escolher a bicicleta infantil ideal? Confira as dicas!

Escolher a bicicleta infantil ideal para o seu filho, é uma tarefa que exige cuidados e uma série de precauções. Afinal, são diversos os modelos disponíveis no mercado, com características especiais para cada tipo de criança, tais como cor, tipo de material e por aí vai.

Além disso, andar de bicicleta traz uma série de benefícios, não só para nós adultos, como também para as crianças.

Entre alguns desses benefícios adquiridos, podemos citar a melhora na coordenação motora, os estímulos ao desenvolvimento intelectual do indivíduo e também a redução expressiva do estresse.

Mas, embora sejam muitos, e podemos falar sobre estes pontos positivos até o raiar do dia, para que os pequenos possam adquirir estas vantagens, é preciso se atentar a alguns cuidados na hora de escolher a bicicleta infantil ideal.

As bicicletas que sejam muito grandes, por exemplo, podem apresentar um obstáculo a mais na hora do aprendizado, e o que antes era apenas uma atividade positiva, pode torná-la extremamente insegura, além de afetar toda a sua confiança.

Pensando nessa questão, a seguir, reunimos algumas informações importantes que podem auxiliar – papais ou mamães – na escolha da bicicleta ideal para o seu filho.

Bora ver todos os pontos que precisam ser levados em consideração? Continue lendo!

1. Escolha a bicicleta infantil de acordo com o seu tamanho

Comprar uma bicicleta grande demais pode trazer uma série de experiências ruins para o seu filho, afinal, uma bicicleta infantil desproporcional pode gerar dores e transtornos que farão ele se distanciar cada vez mais dos pedais.

Da mesma forma, comprar uma bicicleta pequena demais, pode atrapalhar a locomoção do pequeno e deixar tudo mais difícil.

É por esta razão que se torna imprescindível escolher uma bike que tenha o tamanho e altura exata para as necessidades da criança. O tamanho do aro também diz muito sobre o controle que o pequeno terá sobre as rodas.

2. Escolha a bicicleta com melhor custo-benefício

De fato, as crianças crescem muito rápido, e é por este motivo que além de escolher o tamanho ideal da bicicleta infantil e dos materiais de qualidade, também é indispensável ter ideia do preço que terá a pagar.

Uma bicicleta grande demais pode frustrar a criança e desencadear uma série de transtornos para a saúde mental da criança e até mesmo física, por outro lado, uma bicicleta menor pode atrapalhar na mobilidade e trazer experiências ruins para a sua vida.

Com base nisso, escolha um modelo que ela poderá aproveitar por mais tempo, considerando – é claro – que este tipo de bike é feita para ser descartada em pouco tempo.

Alguns fabricantes costumam substituir algumas partes da bicicleta por peças mais frágeis, tais como plástico. Por isso, esteja atento a todos os elementos e invista em opções mais duráveis.

Essa dica te ajudará na hora de balancear a qualidade dos materiais e o valor do produto. São estes aspectos também que nos levarão à nossa próxima dica.

3. Heróis, princesas e personagens de desenho animado: muita atenção neles!

Hoje em dia, se tornou quase obrigatório o investimento das empresas em personagens dos quadrinhos ou dos contos de fada para despertar o interesse da criança pelo produto.

Neste sentido, a criança tende a se interessar primeiramente pelo visual da bicicleta do que o produto em si, descartando todos os contras que poderiam existir.

Você pode pensar nisso como aquelas bicicletas que ofereçam uma boa qualidade dos materiais e melhor preço (mas sem o uso de personagens conhecidos) e outro produto de baixa qualidade, com o maior custo possível e utilizando personagens já conhecidos. Quem você acha que elas vão escolher?

É nessa hora que entra em ação o “superpai” (ou mãe), já que será muito difícil convencer a criança da escolha ideal.

Antes de adquirir uma bicicleta infantil, esteja atento a sua qualidade e ao seu preço, assim você poderá fazer escolhas mais assertivas e que não comprometam a experiência dos mais novos.

4. Segurança deve ser prioridade desde o começo

Certo, você já está quase escolhendo a bicicleta infantil do seu pequeno, mas, será que não está esquecendo de nada não? A segurança é uma prioridade que você deve manter desde o começo.

As bicicletas que oferecem suporte para rodinhas laterais, são as melhores alternativas ao investir em uma bicicleta segura.

Caso a criança já tenha passado dessa fase – e não seja mais necessário a utilização destes materiais –, então é hora de investir nos acessórios de segurança, tais como campainha e buzina.

Porém, além destes itens mais básicos, você também poderá apostar em capacetes para bicicleta, especialmente nas fases iniciais onde a criança está dando os seus primeiros passos e pode sofrer com quedas ou tombos.

Ah, e só pra constar: invista apenas em modelos certificados pelo INMETRO, que oferecem mais segurança e muitas vezes garantia de uso.

5. Cuidado com a corrente

Se está pensando em comprar uma bicicleta infantil, é importante apostar nos produtos que ofereçam uma segurança a mais em relação a corrente.

Bons modelos oferecem acessórios para cobrir a parte da corrente, assim você não precisa se preocupar com os pezinhos se enrolando nas engrenagens, ou tomar sustos quando as roupas se enrolarem na corrente da bicicleta.

6. Qual o momento certo para trocar a bicicleta infantil?

Como você já notou, é importante estar atento ao tamanho e as regularidades da bicicleta. Neste mesmo sentido, entender a hora certa de trocar a bike também é uma etapa fundamental.

Porém, antes que esse momento chegue, é possível manter algumas medidas que são super simples, e assim aumentar o tempo de vida útil e seguro da bicicleta.

Por exemplo, o banco deve estar sempre em uma altura exata. Bancos muito elevados impedem que as crianças tenham mais controle sobre os pedais, além de obrigá-las a ficarem em um nível muito alto para conseguirem pedalar.

Por outro lado, bancos pouco elevados, podem obrigar as crianças a forçarem seus joelhos contra o guidão – o que não é nada positivo para elas.

Além destes fatores, as rodinhas, os freios ajustáveis e a inclinação do guidão também deve estar alinhada com a anatomia da criança, isto é, sempre promovendo o máximo de conforto.

No entanto, ao modo que estas medidas não se tornarem mais eficientes, é dado o momento de trocar a bicicleta por um outro modelo.

Conclusão

Além de serem ferramentas de aprendizado, as bicicletas infantis também melhoram o humor das crianças e trazem experiências enriquecedoras para a vida de pais e filhos.

Portanto, é preciso seguir à risca os conselhos que deixamos aqui e investir em opções que atendam às necessidades do seu pequenino.

Agora que você já conhece as principais dicas para comprar a bicicleta infantil ideal, que tal compartilhar este artigo através das suas redes sociais? Assim você nos ajuda e sempre poderemos escrever conteúdos cada vez mais úteis como esse.

Até a próxima!

bicicleta infantil