Os cinco sentidos educação infantil

No artigo de hoje vamos falar sobre os cinco sentidos educação infantil. Um tema importante tanto para pais quanto para educadores.

Os cincos sentidos (tato, audição, visão, paladar e olfato) são os principais meios através dos quais o ser humano conhece e interage com o mundo ao redor.

Muitas das coisas que fazemos habitualmente, como ler esse texto ou provar uma comida saborosa não seriam possíveis sem eles. Apesar disso, não costumas nos lembrar dos 5 sentidos enquanto os utilizamos a cada minuto que vivemos.

Mas, com as crianças é diferente. Elas estão em processo de formação e desenvolvimento humano. Logo, é fundamental trabalhar com elas os cinco sentidos educação infantil.

Por que é preciso trabalhar os cinco sentidos educação infantil?

Um dos principais motivos para trabalhar os cinco sentidos educação infantil é a descoberta do mundo pelos pequenos. E nisso, várias coisas estão diretamente envolvidas:

  • Cheiros do cotidiano da criança;
  • As sensações táteis;
  • O sabor dos alimentos;
  • Sons do ambiente;
  • Identificação de cores e objetos;
  • Sensação de quente ou frio, etc.

Mas, isso não é tudo. Já que atividades que trabalham os sentidos básicos na educação infantil também servem para estimular o desenvolvimento da concentração. E a própria construção do pensamento lógico, abstrato e concreto.

Outra proposta fundamental de atividades pedagógicas para trabalhar os cinco sentidos educação infantil é conhecer o funcionamento do corpo humano. Por exemplo: os diferentes órgãos envolvidos em cada sentido, e suas relações.

Com isso, pouco a pouco a criança vai conhecendo e descobrindo o mundo ao redor. Ao mesmo tempo em que adquire uma serie de novos conhecimentos que importantes para o resto da sua vida.

Quais atividades são apropriadas para estimular os cinco sentidos educação infantil?

A realmente muitas atividades diferentes para estimular os cinco sentidos educação infantil. Portanto, a escolha depende de alguns fatores, como a faixa etária da criança e os objetivos metodológicos do professor.

Por exemplo: é possível trabalhar a visão das crianças menores, que frequentam o berçário, apenas conversando com o bebe. Ou mostrando a ele objetos brilhantes e divertidos para que siga com os olhos.

Para crianças mais velhas já é possível usar outras atividades, que envolvam o uso de imagens ou até atividades artísticas com cores. Boas escolhas aqui são os desenhos com giz de cera e pintura com tinta guache.

Outros sentidos não são difíceis de trabalhar. Chocalhos são uma boa escolha para trabalhar a audição dos bebes. Enquanto que uma atividade com sons ambiente da escola pode ser apropriada para crianças maiores.

Para o tato, ter uma caixa cheia de objetos com diferentes texturas, ou proporcionar uma atividade diferente com massinha ou argila é recomendado.

E há muitas outras atividades, desde ouvir música, cantar e dançar, até fazer um momento de culinária, com diferentes opções de pratos para as crianças provarem.

A verdade é que quando falamos de estimular os cinco sentidos educação infantil não estamos falando de nada complexo. Pois, o uso dos sentidos está em tudo que fazemos. Logo as coisas mais simples bastam.

Trabalhar os sentidos é uma forma de despertar a inteligência prática da criança

A inteligência prática não pode ser adquirida através de teorias. Isso porque, trata-se de um conhecimento que se obtém através da experiencia empírica.

E estimular os cinco sentidos educação infantil é uma das melhores formas de despertar a inteligência prática da criança.

Afinal, nesses momentos a criança tem a oportunidade de manusear diferentes materiais, misturar diferentes elementos, colar, recortar, ouvir, provar e tocar.

As sensações que ela terá, assim como o aprendizado e memórias desse momento são únicas. Com isso, a inteligência motora, emocional e sensorial da criança também é estimulada.

Os cinco sentidos educação infantil promovem a socialização

A socialização é outro ponto positivo que envolve o trabalho pedagógico com os cinco sentidos educação infantil. Pois, muitas dessas atividades serão feitas em grupos.

E mesmo aquelas que não sejam ainda assim ofereceram momentos coletivos de trocas de experiencias e aprendizado. Já que a criança irá conversar com os amiguinhos, pegar e emprestar materiais e mostrar o resultado de suas atividades aos colegas.

Com isso, terá oportunidades para desenvolver melhor a fala, aprender a lidar com situações de conflito que possam surgir e a compartilhar.

Vale lembrar que a para os alunos da educação infantil atividades que para nós são simples e rotineiras são novidades. Afinal, eles estão adquirindo suas primeiras experiencias de vida, o que contribuiu diretamente para a formação da sua personalidade.

Enfim, motivos não faltam para trabalhar os cinco sentidos educação infantil, assim como atividades apropriadas.

Dicas finais

Mas, os cinco sentidos educação infantil também podem ser trabalhados em casa, pelos pais e responsáveis. E é muito importante para o desenvolvimento da criança que esses momentos aconteçam.

Por exemplo: você pode fazer brincadeiras educativas com o seu filho, comprar brinquedos educativos e aproveitar as atividades cotidianas da criança para dar ela diferentes estímulos para os sentidos.

Espero que você tenha gostado do artigo de hoje? Quer ver mais conteúdos como esses? Comente!

Os cinco sentidos educação infantil