3 itens essenciais para quartos de recém-nascidos

O quarto de um bebê precisa ser funcional e seguro; confira quais são os objetos e móveis necessários para compor esse espaço

A chegada de uma criança é sempre mágica e emocionante para a família. Entre as etapas que envolvem a preparação para esse momento, uma das mais importantes é a montagem do quarto de bebê.

Mais do que beleza, o espaço deve oferecer segurança e conforto para o recém-nascido, além de ser prático e funcional para os pais. Para isso, é preciso atentar-se a todos os detalhes, desde as cores das paredes e os objetos decorativos até o jogo de berço e a mobília.

Está passando por essa fase e tem dúvidas? Não se preocupe! Confira abaixo os três itens indispensáveis para o cantinho do seu pequeno e entenda a importância de cada um deles.

1 – Berço

Embora algumas famílias optem pela cama compartilhada, a recomendação da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) é que a criança durma em um bercinho no quarto dos pais até os 6 meses de idade e, depois desse período, continue dormindo no berço, mas em seu próprio quartinho.

Isso não significa que a cama compartilhada seja ruim, pelo contrário: não há certo ou errado, a decisão cabe aos pais. Mas, de todo modo, é indicado ter um berço ao menos para os primeiros meses de vida do pequeno.

Em relação ao modelo e ao tamanho do berço, há uma grande variedade no mercado. Por isso, o ideal é escolher de acordo com sua realidade e rotina. 

Caso você tenha pouco espaço, o moisés é a melhor opção, pois é bem compacto. No entanto, após alguns meses, será necessário comprar outro maior.

Se sua casa for mais espaçosa, talvez valha a pena cogitar a compra de um berço padrão americano, para o quarto do bebê, e de um moisés, para deixar no seu quarto. 

Porém, se a ideia for economizar, a melhor opção é o berço evolutivo com rodinhas (e travas), visto que, além de ser mais fácil de movimentar pela casa, ele também aumenta de tamanho de acordo com o crescimento do bebê.

Ainda sobre os modelos de berço, podemos destacar: portátil, acoplado, minicama, multifuncional, etc.

Por fim, é fundamental ressaltar que, independentemente do modelo escolhido, os jogos de berço são contraindicados por representarem risco de vida para os pequenos.

“Ainda que os pais gostem de enfeitá-lo com protetores, babados, fitas, bichos de pelúcia e almofadas, há o risco de a criança se sufocar com eles enquanto dorme, se enroscar ou, então, usá-los como apoio para escalar e cair para fora do berço”, afirma a pediatra do departamento de Segurança da Criança e do Adolescente da SBP, Renata Waksman.

2- Cômoda

É comum haver dúvidas em relação à compra de uma cômoda ou de um guarda-roupa. Caso você tenha espaço e condições financeiras para adquirir ambos, ótimo! Entretanto, se for preciso escolher apenas um, a cômoda normalmente é a melhor opção.

Isso porque, além de armazenar as roupinhas e os outros itens do bebê, esse móvel também serve para comportar o trocador e o kit higiene do pequeno, que são objetos essenciais para as frequentes trocas de fraldas.

Dessa forma, busque uma cômoda que possua as repartições que você precisa (gavetas e portas, por exemplo) e tenha uma profundidade considerável para que você possa colocar seu neném em cima com segurança.

3- Cortinas ou persianas

Para que seu bebê tenha uma boa noite de sono, é fundamental bloquear a luminosidade das janelas. Por isso, cortinas ou persianas são itens indispensáveis para o quarto de um recém-nascido.

Assim como em relação ao dilema da cama compartilhada e do berço, mencionado acima, não há escolha certa ou errada nesse quesito. Para tomar a melhor decisão, é preciso avaliar as particularidades da sua rotina. 

Não há como prever se seu filho terá ou não alergias, por exemplo, porém, por precaução, é preciso evitar ao máximo que o quartinho dele fique empoeirado. Logo, caso você escolha a cortina, será preciso lavá-la com frequência. A persiana, por outro lado, acumula menos poeira, mas também deverá ser higienizada regularmente.

O melhor dos dois mundos seria: cortina de material sintético, como PVC, pois retém menos pó; e, no caso da persiana, de rolo ou romana, uma vez que ambos os modelos não têm frestas e são mais fáceis de limpar.

itens essenciais para quartos de recém-nascidos